Combatendo o estresse pré-vestibular 

Estudos intensos, falta de laser, pressão pessoal e familiar, competição e decisões importantes para tomar, são apenas alguns dos motivos para estresse pré-vestibular. O estresse é uma reação natural e saudável do nosso corpo, para momentos de crise ou perigo. O grande problema está quando essa reação se torna um estado crônico. Quando o estresse passa a ser um problema diário, a situação pode se agravar prejudicando a rotina e até atrapalhando o dia da prova. 

O primeiro passo para combater o estresse é identificar sua existência e seus sinais. Pode ser irritabilidade, agressividade, insônia, depressão, cansaço e até perda de memória em casos prolongados. Identificada a situação, existem maneiras simples de combater esse mal no dia a dia.Vão aí algumas dicas: 

 

Organize sua rotina 

Ter um horário fixo para cada atividade pode ajudar muito no desempenho e diminui a ansiedade. Com hora certa para cada coisa, a mente pode se focar em uma atividade por vez, sabendo que vai dar tempo de cumprir tudo o que precisa ser feito no dia. Em pouco tempo o corpo estará adaptado a nova rotina e nenhum item importante fica de fora. 

 

Cuide da sua saúde 

A saúde física tem tudo a ver com a emocional! Cuidar do corpo é uma ótima maneira de cuidar da mente e a rotina pode ajudar nisso. Programe-se para dormir pelo menos sete horas por noite, um cérebro descansado aprende muito melhor, e é durante o sono REM que os conhecimentos são fixados na memória de longa duração. Se alimentar nos horários certos e com um cardápio saudável e praticar atividades físicas, ajuda a manter a imunidade alta e o corpo disposto. 

 

Tenha tempo para lazer 

Dentro da sua rotina separe um tempo para fazer o que você gosta. Incluir essa atividade na sua agenda diária ajuda a não passar tempo demais, nem de menos, relaxando. Nesse momento evite pensar e conversar sobre o vestibular, deixe sua mente descansar de tantas atividades intensas. 

 

Procure ajuda 

Mesmo com todas essas dicas, as vezes é impossível vencer o estresse sozinho. Nesse caso peça ajuda! Converse com familiares, professores, amigos ou com a capelania do Erasto. Em certos casos é recomendada inclusive a intervenção profissional de psicólogos e psiquiatras. A preparação para o vestibular não precisa ser uma tarefa solitária, conte com quem está a sua volta.