Como manter a rotina das crianças nas férias?

As férias é um momento muito aguardado pelas crianças. Afinal, é quando podem brincar e fazer outras atividades de preferência por mais tempo. Para os pais, porém, é um período desafiador, visto que precisam saber como manter a rotina nas férias.

Apesar dos horários serem mais flexíveis, é importante manter os filhos dentro da rotina que já estão acostumados. Quer saber o porquê? Continue a leitura.

Por que a criança não deve sair da rotina nas férias?

Por mais que nas férias o dia seja mais livre, a falta de horário para realizar as ações consideradas rotineiras pode prejudicar a criança de diversas formas.

Dormir tarde, por exemplo, pode reduzir a qualidade do sono, fazendo com que o funcionamento do organismo seja modificado. Prejudicando, ainda, o seu desenvolvimento e a produção de hormônios essenciais, como o do crescimento.

Não ter horário para se alimentar também pode ser prejudicial. Além de influenciar no humor e bem-estar da criança, pode causar alterações na digestão e, consequentemente, no digestão.

Além dos prejuízos que podem surgir ao longo do período de folga, a falta de rotina nas férias pode tornar difícil o retorno às aulas. Isso não significa que não possa haver flexibilidade, mas sim que é preciso cautela e evitar os excessos.

Mas como adaptar a rotina nas férias? Mostraremos abaixo!

Como manter um dia a dia equilibrado durante as férias

1 – Alimentação

Em relação à alimentação, o ideal é manter o horário das refeições habituais. Não permita que as crianças pulem refeições, nem fiquem petiscando entre uma e outra.

Outra dica é resistir à tentação de incluir alimentos prontos, congelados e fast food. Ter uma alimentação equilibrada, saudável, variada e nutritiva é essencial para o desenvolvimento intelectual e físico da criança. Portanto, inclua-a também nas férias.

2 – Sono

A alteração do sono gera consequências no bem-estar e nos níveis de energia da criança no dia seguinte. Portanto, é importante manter a rotina de sono nas férias. Caso, por exemplo, seu filho tenha menos de 6 anos e costume cochilar após o almoço, incentive que continue fazendo, mesmo que ele diga que não quer.

A rotina criada para o momento de dormir, como tomar banho, colocar o pijama e ler na cama, por exemplo, também deve ser mantida.

3 – Convívio social

Durante as férias, convide os amigos do seu filho para passarem o dia na sua casa. Permita que brinquem, joguem bola e façam piquenique.

Fazendo isso, você estará estimulando o convívio social, fator importante para quando as aulas retornarem e, mais além, quando se tornarem adultos.  

4 – Atividades recreativas

As férias também são ideais para aproveitar mais tempo em família. Portanto, promova atividades recreativas que sejam divertidas e, ao mesmo tempo, fortaleçam a cumplicidade e os vínculos de união entre todos. Algumas dicas são:

  • Passear no parque;

  • Fazer castelinho de areia na praia;

  • Jogar bola;

  • Brincar de pega-pega;

  • Passear com o cachorro.

Estipule horários para as brincadeiras e evite atividades muito agitadas e estimulantes nos horários que antecedem o sono. Com isso, é possível aproveitar e, ao mesmo tempo, manter a rotina nas férias.

Para que o retorno às aulas seja tranquilo, faça com que seu filho volte totalmente à rotina uma semana antes. Desta forma, a transição será mais fácil para os pais e, claro, para as crianças.

Continue no blog do Colégio Erasto e obtenha mais dicas para as férias das crianças.